Alternativas para Alérgicos ao Leite de Vaca

Atualmente o mercado de produtos naturais e saudáveis vem crescendo e ganhando espaço. A escolha e consumo inadequado e dietas restritas podem afetar o estado nutricional do individuo em qualquer período de sua vida. O leite de soja por não ter lactose na sua constituição, ao contrário do leite de vaca, tem sido utilizado como uma alternativa na alimentação de pessoas deficientes em lactase. É também uma alternativa para alérgicos, embora seja preciso uma avaliação já que pode haver reação cruzada.

O “leite" de soja é normalmente aromatizado e suplementado com vitaminas, além de conter açúcar e minerais, melhorando, assim, o seu valor nutricional e sua aceitação no mercado. Sua composição química oscila em função da variedade da matéria-prima utilizada e do processamento empregado, porém o produto final, para ser uma opção ao leite, deva apresentar um teor protéico equivalente ao do leite de vaca.

A maioria dos leites de soja disponíveis nas prateleiras contêm uma combinação da proteína dessa leguminosa com suco de fruta, o que faz com que muitas marcas não contenham cálcio. A deficiência deste mineral pode acarretar problemas como alterações na regulação dos batimentos cardíacos, perda da massa óssea, disfunções na contração muscular, irritabilidade, posto que é necessário na transmissão nervosos.

Alérgicos ao leite de vaca costumam também recorrer ao leite de cabra. Trata-se de um alimento de alto valor nutritivo e qualidade dietética. É rico em açúcares, proteínas, gorduras, vitaminas e sais minerais. Contêm o cálcio. Vale lembrar que não é indicado para intolerantes à lactose. Algumas pessoas que são alérgicas ao leite de vaca não toleram o de cabra.

A indústria tem investido também na produção dos leites vegetais à base de arroz e aveia. Embora o risco de alergia seja praticamente nulo é preciso ficar atento aos rótulos porque os leites vegetais nem sempre são enriquecidos com cálcio. Alguns contêm quantidades razoáveis de proteínas. Outros não.

Portanto, se você é alérgico à proteína do leite, saiba que são muitos os alimentos que oferecem proteínas tão completas como a do leite. Já o cálcio é encontrado também em folhas verdes e em alimentos com avelãs, amêndoas e gergelim. A melhor opção é uma programação alimentar adequada capaz de equilibrar todos os nutrientes.

A Nutrício possui programas nutricionais específicos para o controle de quem tem alergia ao leite de vaca. Trabalhamos também com o planejamento de refeições e criação de cardápios familiares (serviço de Personal Health disponível para todo o Brasil). Encontre o nutricionista mais próximo de você pesquisando em nossa Rede Credenciada de Nutricionistas.

Por: Mônica Andrade (graduanda em nutrição) e Mariana Braga Neves (nutricionista em Belo Horizonte, MG)

Leia também Alergia ao Leite de Vaca não Mediada por IgE »