Frutas Oleaginosas: Amendoim, Nozes e Avelãs

Combinação perfeita para saladas, arroz e carnes brancas

Consideradas essenciais para uma dieta saudável e bem equilibrada, as oleaginosas podem se misturar, inclusive, às saladas, como ensina a chefe executiva do restaurante Santa Fé, Cátina Martins. “Folhas variadas, pêras laminadas, nozes e queijo parmesão são uma combinação perfeita”, diz.

Para completar, Cátina usa azeite aromatizado e indica, nos vinagretes, a substituição do limão por suco de laranja ou tangerina, que são menos ácidos. “Assim, a pêra não vai oxidar”, garante.

Além de compor as saladas e serem servidas como petiscos, as oleaginosas podem incrementar o arroz branco de cada dia. A dica do chef Baeta é uma composição de arroz com amêndoa chilena. “Aquecemos a amêndoa na manteiga e misturamos ao arroz, que fica aromatizado”, ensina.

Cátina aprova o prato, que pode acompanhar o peru, por exemplo, e dá outra dica saborosa. “Com a paçoca de amendoim podemos levar um sabor diferenciado à torta de sorvete.”

Para quem quer ter uma ceia menos calórica, Cátina indica uma alternativa ao tradicional peru: peixe assado ao molho de amêndoas. “Já é comum entre muitas pessoas optar pelo peixe como prato principal da ceia de Natal. O molho é simples de fazer, basta triturar a castanha e misturar com o azeite, sem aquecer muito, e regar o peixe em seguida.”

Apesar de conterem muitas calorias, as oleaginosas são repletas de nutrientes essenciais à saúde. “Essas frutas são ricas em gorduras monoinsaturada e poliinsaturada, vitaminas e minerais”, afirma a nutricionista Mariana Braga Neves. De acordo com ela, as nozes são ótima fonte de proteínas. “A fruta é uma alternativa para quem tem dificuldade de ingerir proteínas, como os vegetarianos.

Já as avelãs e amêndoas são ideais para quem não consome leite ou outras fontes de cálcio.” (GA)


Gisele Araújo
- Especial para o Jornal Pampulha - Seção Gastronomia & Cultura - 06/12/2008


Primeira parte da matéria sobre as Oleaginosas »